quarta-feira, 27 de maio de 2015


Sódio nos alimentos: cálculo simples

 mostra quantidade na sua comida




( Matéria publicada pelo site Bolsa de Mulher : http://www.bolsademulher.com/saude/sodio-nos-alimentos-calculo-simples-mostra-quantidade-na-sua-comida)


Apesar de ser essencial para uma série de reações que

 ocorrem dentro do corpo humano, o sódio tem fama de vilão.

O motivo é sua relação com a pressão alta e o inchaço, causados

 quando ele é consumido em excesso. Para manter os níveis de 

sódio estáveis, é preciso ficar atenta ao rótulo e fazer uma conta 

muito simples, que ensinamos a seguir.

Quantidade de sódio diária

De acordo com a Organização Mundial de Saúde, devem ser consumidos
 diariamente 2 gramas de sódio (o equivalente a 2.000 mg).

Como saber se o alimento tem muito sódio?

O nutrólogo Roberto Navarro, membro da Associação Brasileira de Nutrologia, explica que, para saber se um alimento tem sódio demais, basta fazer uma conta simples.
Como calcular

Procure a quantidade de sódio e a quantidade da porção na embalagem.
Todo rótulo traz suas informações na tabela nutricional que fica no verso da embalagem. A quantidade de sódio vem indicada em miligramas e o volume da porção aparece logo no topo, como na imagem ao lado. Divida o sódio em mg pela quantidade da porção. Se o resultado for inferior a 4, o alimento não é considerado rico em sódio.
Por exemplo, em uma porção de 250 ml de refrigerante de cola há 13 mg de sódio. Dividindo 13 por 250 o resultado é 0,052, o que demonstra que a bebida não é assim tão rica em sódio quanto se pensa.
Alimentos ricos em sódio
Caldo de galinha em tablete: 100 gramas têm 22.300 mg de sódio.
Macarrão instantâneo: 100 gramas têm 1.516 mg de sódio.
Extrato de tomate: 100 gramas têm 498 mg de sódio.
Maionese com ovos: 100 gramas têm 787 mg de sódio.
Shoyu: 100 ml tem 5.024 mg de sódio.
Presunto com capa de gordura: 100 gramas têm 1.021 mg de sódio.
Queijo parmesão: 100 gramas têm 1844 mg de sódio.